Twitter Facebook

CNTSS > LISTAR NOTÍCIAS > ACONTECE > VALVERDE E SINDICATOS DE RONDONIA DISCUTEM REGULAMENTAÇÃO DA PEC 87ª

Valverde e sindicatos de Rondonia discutem regulamentação da PEC 87ª

06/11/2009

Escrito por: Fonte – SindSaude Rondonia

Valverde e sindicatos  de Rondonia discutem regulamentação da PEC 87ª
O Coordenador da Bancada de Rondônia, deputado Eduardo Valverde (PT) participou nesta terça-feira (3), no auditório do SINJUR, de uma reunião com os representantes sindicais para tratar da regulamentação da transposição dos servidores para o quadro federal. O Sindicato dos Trabalhadores em Saúde no Estado de Rondônia (Sindsaúde), foi representado na reunião pelos diretores Golbery Paixão (Organização e Informática) e Sérgio Rosset (Conselho Fiscal).

Na ocasião o parlamentar explicou que será constituída uma comissão entre os sindicatos para a formulação de uma proposta com as tabelas de cargos e salários. Isto porque, como os servidores municipais e estaduais enquadrados na PEC 483 passaram a fazer parte dos quadros da União é necessário, agora, o enquadramento desses servidores nas diversas carreiras existentes nos três poderes (Legislativo, Executivo e Judiciário).
De acordo com Valverde agora começa um trabalho minucioso, pois se por um lado a incorporação representará um “alívio” para os cofres públicos do estado, será necessária a construção junto com os sindicatos de tabelas especiais de funções e salários, para que quando o servidor optar pela inclusão nos quadros da União o faça com toda a segurança.

Segundo o presidente do Sindsaúde, Anildo do Prado, após a construção da tabela, o próximo passo será uma audiência pública na Câmara Federal entre os sindicatos, Secretaria de Estado da Administração de Rondônia e o Ministério do Planejamento. De acordo com Anildo será realizado um fórum de debates entre sindicalistas de Roraima e Amapá, que passaram por situação idêntica quando foram transformados em Estado. O objetivo é fazer troca de experiências.

“O sindicato estará à frente das discussões para defender o filiado. Trata-se de discussões muito técnicas e que podem de certa forma prejudicar o servidor uma vez que após a transposição, não haverá chances de voltar aos quadros do Estado. Portanto, a escolha deve ser feita sem qualquer dúvida ou pressão e para isso estaremos tirando todas as dúvidas sobre a situação para que o servidor não seja prejudicado”, finalizou Anildo.

  • Imprimir
  • w"E-mail"
  • Compartilhe esta noticia
  • FaceBook
  • Twitter

Conteúdo Relacionado


CNTSS – São Paulo - Rua Caetano Pinto nº 575 CEP 03041-000 Brás, São Paulo/SP
Telefones: (0xx11) 2108-9156 - (0xx11) 2108-9301 - (0xx11) 2108-9195 - (0xx11) 2108-9253 - FAX (0xx11) 2108-9300
E-mails: direcao@cntsscut.org.br – tesouraria@cntsscut.org.br – imprensa@cntsscut.org.br

CNTSS – Brasília - SCS - QD.01 Bloco "I"- Ed. Central - 12º andar - Salas 1.201 e 1.208 - CEP: 70.304-900 – Brasília/DF
Telefone: (0xx61) 3224-0818 | E-mail: df@cntsscut.org.br