Twitter Facebook

CNTSS > LISTAR NOTÍCIAS > ACONTECE > SINDSAÚDE MG: TRABALHADORES EM GREVE REALIZAM ATO EM BH

Sindsaúde MG: trabalhadores em greve realizam ato em BH

19/05/2016

Dia Nacional de Luta leva técnicos(as) de enfermagem e enfermeiros(as) às ruas; cobrança no Legislativo é por tramitação de projetos

Escrito por: Sindsaúde MG

 

 

O suor do sol quente da capital mineira se juntou ao suor da luta dos trabalhadores(as) em enfermagem por valorização profissional na manhã da terça-feira (17). A data, que faz parte da semana da enfermagem, transformou-se em um momento de cobranças por melhorias nas condições de trabalho e salário. A segunda maior categoria do país padece precária legislação que colocam risco à profissão e também ao atendimento à população. Na concentração do ato, às 09 horas na Praça da Estação, os(as) trabalhadores(as) estavam todos(as) de brancos com faixas, cartazes e bandeiras para chamar atenção para os vários problemas que enfrentam cotidianamente.

 

Foram duas horas de caminhada pelas ruas de Belo Horizonte, recebendo apoio da população, e apontando as reivindicações fundamentais que unem técnicos de enfermagem e enfermeiros. Na rua da Bahia, logo no início da passeata, os(as) trabalhadores(as) foram surpreendidos com uma chuva de papel picado, jogado do alto dos prédios em defesa da manifestação.

 

Durante todo o percurso, o caminhão de som foi utilizado para denunciar a grave situação que a enfermagem é exposta. Tanto na Assembleia Legislativa (ALMG) quanto no Congresso Nacional aguardam para entrar em pauta projetos de lei que têm objetivo de reverter os problemas enfrentados pela categoria, em especial, a diminuição da jornada de trabalho para 30 horas semanais e a instituição do piso salarial da enfermagem.

 

Para debater a importância da tramitação destes projetos na ALMG frente ao cenário de degradação da profissão no Estado, foi realizada audiência pública na Comissão de Trabalho, da Previdência e da Assistência Social do legislativo mineiro. A passeata que saiu da Praça da Estação chegou à ALMG para participar da audiência e cobrar os deputados posições firmes sobre o andamento dos PLs.

 

Durante a audiência pública, trabalhadores e trabalhadoras da enfermagem cobraram apoio dos deputados para que o projeto das 30 horas semanais saia do papel em Minas Gerais. Além disso, os parlamentares puderam ver fotos dos locais precários de descanso dos(as) profissionais, especialmente nos hospitais privados – mostrando o pessoal da enfermagem dormindo no chão. Requerimento com as notas taquigráficas da Audiência será votado na próxima reunião da comissão parlamentar para que seja encaminhado ao Ministério Público Trabalho (MPT). Os deputados devem pedir que o MPT investigue as condições de trabalho precárias denunciadas por trabalhadores(as) da enfermagem na audiência desta terça-feira.

 

Esse é o segundo ano que entidades ligadas à enfermagem organizam o ato de luta em Minas Gerais. Protestos em todo país marcaram o Dia Nacional de Luta em defesa da Enfermagem.  

 

   

  • Imprimir
  • w"E-mail"
  • Compartilhe esta noticia
  • FaceBook
  • Twitter

Conteúdo Relacionado

Copyright @ CUT Central Única dos Trabalhadores | 3.820 - Entidades Filiadas | 7.890.353 - Sócio | 24.062.754 - Representados
CNTSS – São Paulo - Rua Caetano Pinto nº 575 CEP 03041-000 Brás, São Paulo/SP | Telefone (0xx11) 2108 9200 - Fax (0xx11) 2108 9310
CNTSS – Brasília - SCS - QD.01 Bloco "I"- Ed. Central - 12º andar - Salas 1.201 e 1.208 - CEP: 70.304-900 – Brasília/DF | Telefone: (0xx61) 3322 5062 e (0xx61) 3322-5060