Twitter Facebook

CNTSS > LISTAR NOTÍCIAS > ACONTECE > CHAPA "CUIDAR DA PROFISSÃO" DISPUTA ELEIÇÃO DO CONSELHO FEDERAL DE PSICOLOGIA

Chapa "Cuidar da Profissão" disputa eleição do Conselho Federal de Psicologia

12/08/2016

Eleição, que acontece entre os dias 24 a 27 de agosto, também definirá novas coordenações para os 23 Conselhos Regionais da categoria

Escrito por: Assessoria de Imprensa da CNTSS/CUT

 

Os psicólogos de todo o Brasil têm um compromisso entre os dias 24 a 27 de agosto. É que neste período acontecem as eleições do Sistema de Conselhos de Psicologia. Serão escolhidos os representantes para assumir o Conselho Federal e os 23 Conselhos Regionais espalhados pelo país. A Chapa 23 – “Cuidar da Profissão” contará com a representação de Rogério Giannini, do Sindicato dos Psicólogos de São Paulo, entidade filiada à CNTSS/CUT – Confederação Nacional dos Trabalhadores em Seguridade Social, que disputará o cargo de presidente do Conselho Federal de Psicologia. O “Cuidar da Profissão” também disputará os Conselhos Regionais em dezoito Estados.

 

Giannini destaca que o Conselho de Psicologia é um órgão fundamental para a sociedade na medida que faz a regulação e a fiscalização da profissão, sempre tendo como ponto de vista os interesses da sociedade. “Esta é uma forma de proteger a sociedade para que a psicologia não seja capturada por interesses outros que tentem legitimar, como exemplos, o racismo, o sexismo ou a homofobia. Interesses que tentam validar preconceitos a partir de discursos pseudocientífico. Ou seja, tornar “científico” o que no fundo é puro preconceito e puro estigma, ” afirma.  

 

O profissional interessado em participar da eleição tem que estar atento a sua situação cadastral junto ao Conselho Federal de Psicologia. É necessário que o eleitor esteja inscrito, ativo e em dia com a entidade para votar. A votação pode ocorrer pela Internet ou pessoalmente em qualquer dos Conselhos Regionais. As dúvidas sobre o status do registro no Conselho ou sobre a eleição podem ser tiradas no site www.eleicoespsicologia.org.br . Os organizadores relembram os eleitores que o profissional tem que receber uma senha por e-mail entre os dias 18 e 19 de agosto para que seja autorizada a votação pela internet.

 

Clique sobre a imagem e veja a íntegra da gravação

 

Segundo Giannini, o “Cuidar da Profissão” é um movimento que nasce na década de 1990. Naquela época, a grande pauta em discussão era pensar um modelo de psicologia atuando para toda a sociedade e que rompesse com o estereótipo do psicólogo de gabinete ou de consultório. Esta forma mais conservadora era considerada insuficiente para pensar em políticas públicas estruturadas que contassem com a presença do profissional de psicologia, além de não se desenvolver tendo como foco o compromisso social. A partir daí o movimento foi se organizando e conquistando vitórias em eleições dos Conselhos.

 

“Hoje, constituímos esta Chapa “Cuidar da Profissão”, que é o nome no nosso movimento, e cujo slogan é “avançar a psicologia com ética e cidadania”. Ela se filia a este histórico do Cuidar da Profissão: uma visão de uma psicologia na sociedade. Uma Chapa que hoje representa 15 Estados nas cinco regiões do Brasil e tem uma diversidade muito grande. Ela é formada por profissionais de muitas áreas. Tem também diversas participações, gente da saúde, da educação da assistência social. E uma chapa que expressa esta diversidade da psicologia”, afirma Giannini.

 

Para conhecer o trabalho e as propostas da Chapa é fácil. Basta consultar as redes sociais. Estes profissionais atuam no site www.cuidardaprofissao.org/site/ . Na página tem o programa, a história e a lista de apoiadores. A Chapa tem apoiadores em diversas áreas de atuação profissional. E o Cuidar tem interesse por uma profissão que seja feita tecnicamente, corretamente e tenha um compromisso ético. Este é o nosso recorte para pensar e atuar na profissão. (http://academiadopsicologo.com.br/eleicoes-cfp-2016-chapa-cuidar-da-profissao/ )

 

 

CHAPA CUIDAR DA PROFISSÃO:

 

1.      Ana Sandra Fernandes Arcoverde Nóbrega – João Pessoa-PB;

2.      Andrea Esmeraldo Câmara – Fortaleza-CE;

3.      Celia Zenaide da Silva – Campinas-SP;

4.      Clarissa Paranhos Guedes – Salvador-BA;

5.      Cleia Oliveira Cunha – Curitiba-PR

6.      Daniela Sacramento Zanini – Goiania-GO;

7.      Elisabeth de Lacerda Barbosa – Juiz de Fora-MG;

8.      Fabian Javier Marin Rueda – Itatiba-SP;

9.      Fabiana Itaci Correa de Araújo - Goiás-GO;

10.  Iolete Ribeiro da Silva – Manaus-AM;

11.  Júnia Maria Campos Lara - Belo Horizonte-MG;

12.  Jureuda Duarte Guerra – Belém-PA;

13.  Maria Marcia Badaró Bandeira – Rio de Janeiro-RJ;

14.  Marisa Helena Alves – Cuiabá-MT;

15.  Norma Celiane Cosmo – Campo Grande-MS;

16.  Paulo José Barroso de Aguiar Pessoa – Recife-PE;

17.  Paulo Roberto Martins Maldos – Brasília-DF;

18.  Pedro Paulo Gastalho de Bicalho – Rio de Janeiro-RJ;

19.  Regina Lucia Sucupira Pedroza – Brasília-DF;

20.  Rogério Giannini – São Paulo-SP;

21.  Rosane Lorena Granzotto – Florianópolis-SC;

22.  Sandra Elena Sposito – Bauru-SP.

 

 

 

José Carlos Araújo

Assessoria de Imprensa da CNTSS/CUT

 

  • Imprimir
  • w"E-mail"
  • Compartilhe esta noticia
  • FaceBook
  • Twitter

Conteúdo Relacionado


CNTSS – São Paulo - Rua Caetano Pinto nº 575 CEP 03041-000 Brás, São Paulo/SP
Telefones: (0xx11) 2108-9156 - (0xx11) 2108-9301 - (0xx11) 2108-9195 - (0xx11) 2108-9253 - FAX (0xx11) 2108-9300
E-mails: direcao@cntsscut.org.br – tesouraria@cntsscut.org.br – imprensa@cntsscut.org.br

CNTSS – Brasília - SCS - QD.01 Bloco "I"- Ed. Central - 12º andar - Salas 1.201 e 1.208 - CEP: 70.304-900 – Brasília/DF
Telefone: (0xx61) 3224-0818 | E-mail: df@cntsscut.org.br