Twitter Facebook

CNTSS > LISTAR NOTÍCIAS > ACONTECE > CNTSS FENASCE E CUT JUNTAS NA LUTA EM DEFESA DO SISTEMA ÚNICO DE SAÚDE

CNTSS FENASCE e CUT juntas na luta em defesa do Sistema Único de Saúde

09/12/2016

Entidades participaram da “Terceira Marcha Nacional em Defesa do SUS" realizada em 07 de dezembro, em Brasília

Escrito por: Leocides José

 

 

Na quarta-feira, 7 de dezembro, aconteceu, em Brasília, a “Terceira Marcha Nacional em Defesa do SUS - Sistema Único de Saúde”. A atividade foi organizada pelo Conselho Nacional de Saúde (CNS), que, por sua vez, é composto por entidades sindicais e da sociedade civil. A iniciativa teve como objetivo lutar contra o desmonte do SUS e fortalecer as políticas públicas de saúde com a finalidade de fortalecer o sistema a partir de seus princípios norteadores, que são: equidade, universalidade e integralidade.

 

A CNTSS/CUT – Confederação Nacional dos Trabalhadores em Seguridade Social, FENASCE - Federação Nacional dos Agentes Comunitários de Saúde e de Combate as Endemias e CUT – Central Única dos Trabalhadores sempre lutaram por políticas que atendam as necessidades da classe trabalhadora, seja na saúde, na educação, segurança ou assistência social.  Ultimamente os governos municipais, estaduais e federal têm promovido um ataque a essas políticas por meio de terceirizações, sucateamento e os cortes nos repasses para essas áreas.

 

Recentemente o ministro da Saúde, Ricardo Barros, fez um pronunciamento dizendo que "o SUS é muito grande e precisa ser diminuído". Foi mais longe ainda ao afirmar que "cada cidadão deveria ter um plano de saúde".  Essa fala mostra claramente o que o governo pretende fazer com o SUS. Um sistema que hoje garante para todos não só o tratamento à saúde, como também a prevenção de doenças, como: diabetes, hipertensão arterial, dengue, febre amarela e tantas outras. 

 

"A nossa luta vai na contramão do governo. Defendemos não somente o funcionamento do sistema, mas também mais recursos nos investimentos para o SUS. Ele é o único meio que garante aos trabalhadores e suas famílias o acesso à saúde", afirmou Fátima Veloso, secretária da CUT Nacional e da CNTSS/CUT. 

 

Mauro Rubem, presidente da CUT Goiás, no uso de sua fala, disse que hoje a classe trabalhadora tem que estar mais unidade do que nunca, pois o cenário posto é de total desmonte dos direitos conquistados com muita luta pela classe trabalhadora.  

 

Leocides José, diretor da FENASCE, explanou que essas duas categorias não tiveram nenhum reajuste desde que foi conquistado o piso nacional, por meio da Lei Federal 12,994, aprovada em junho de 2014, e que agora, com a aprovação da PEC 55, veem seus sonhos esfacelando prematuramente. Também salientou a importância da união das entidades sindicais e da classe trabalhadora nesta luta em defesa do SUS e de todas as políticas públicas sociais.

 

Leocides José

  • Imprimir
  • w"E-mail"
  • Compartilhe esta noticia
  • FaceBook
  • Twitter

Conteúdo Relacionado

Copyright @ CUT Central Única dos Trabalhadores | 3.820 - Entidades Filiadas | 7.890.353 - Sócio | 24.062.754 - Representados
CNTSS – São Paulo - Rua Caetano Pinto nº 575 CEP 03041-000 Brás, São Paulo/SP | Telefone (0xx11) 2108 9200 - Fax (0xx11) 2108 9310
CNTSS – Brasília - SCS - QD.01 Bloco "I"- Ed. Central - 12º andar - Salas 1.201 e 1.208 - CEP: 70.304-900 – Brasília/DF | Telefone: (0xx61) 3322 5062 e (0xx61) 3322-5060