Twitter Facebook

CNTSS > LISTAR NOTÍCIAS > AGENTES COMUNITÁRIOS > REGIME JURÍDICO ÚNICO: GOVERNO REAFIRMA ACORDO COM O SINTSAUDERJ

Regime Jurídico Único: governo reafirma acordo com o SINTSAUDERJ

01/04/2014

Agora, com destrancamento da pauta, o nosso projeto de lei seguirá para o Congresso Nacional nos próximos dias

Escrito por: SINTSAUDERJ

 

O SINTSAUDERJ esteve em reunião com representantes do governo federal onde foi reafirmado que o compromisso fechado conosco será cumprido a risca. O natural é que o protagonismo das vozes do atraso tente se aproveitar de qualquer circunstância para desestimular os trabalhadores e tentar tumultuar o processo. 

 

Os que aparentemente pregam luta para resolver o problema fazem assembleias com meia dúzia de trabalhadores para decidir por nós, os cinco mil “mata mosquitos” da FUNASA.

 

Agora, com destrancamento da pauta, o nosso projeto de lei seguirá para o Congresso Nacional nos próximos dias. O importante é afirmar que o PL esta no Gabinete da Presidenta da República. Dilma Rousseff, que já informou que tem lado e compromisso conosco.

 

O outro sindicato parece ter uma paixão oculta pelo PT e pelo Governo Dilma, pois de cada dez palavras que escrevem vinte dizem respeito o Governo do PT. Será que ainda não acordaram para entender que os seus métodos de tentar usar os nossos trabalhadores para encher linguiça em atos públicos, que tem o enfoque meramente partidário e sem menor interesse em lutar pelas causas dos trabalhadores, não convence ninguém.

 

Agora, descobrimos uma novidade: eles são sindicatos também dos garis, mas não tem registro para representar a saúde. Acho que os companheiros garis foram varrer a denúncia de  corrupção e desvio de recursos que já é objeto de apuração do Ministério Público Federal, conforme foi amplamente divulgada pela imprensa.

 

Realocação da mão de obra

 

Os companheiros do SINTSAUDERJ resolveram a questão da redistribuição dos servidores devolvidos de Nova Iguaçu de forma séria, ou seja, negociando com os gestores de todo o Estado a nova lotação dos trabalhadores, sem que houvesse nenhum tipo de prejuízo para a categoria, mas isto as vozes do atraso não podem ouvir, pois são um instrumento de uma só tecla, que sempre traz o som do não.

 

O companheiro Berriel está a disposição da categoria  para tratar da realocação da mão de obra, enquanto os demais companheiros do nosso sindicato estão em Brasília tratando do RJU, que será a maior vitória da história da categoria, enquanto isso no mundo da faz de conta o sindicato sem registro continuar a espalhar boatos.

 

O outro sindicato nunca participou de nenhuma negociação salarial da categoria, até por isso que deve esta mostrando o sofrido reajuste conquistado pelos garis como exemplo para a nossa categoria, acordem pelegos vestidos de esquerda, mas que não verdade são apenas sonegadores de contribuição previdenciária do INSS.

 

Boatos de devolução de servidores não passam de tentativa de levar os trabalhadores ao stress

 

Agora aprofundando ainda mais a indústria do terror, os sem base tentam assustar a nossa categoria com história de devolução de mais trabalhadores, que segundo a SES/RJ não tem menor fundamento, esta coisa de ficar tentando se beneficiar do caos tem data e hora para acabar.

 

 

  • Imprimir
  • w"E-mail"
  • Compartilhe esta noticia
  • FaceBook
  • Twitter

Conteúdo Relacionado

Nome:
E-mail:
Título:

Copyright @ CUT Central Única dos Trabalhadores | 3.820 - Entidades Filiadas | 7.890.353 - Sócio | 24.062.754 - Representados
CNTSS – São Paulo - Rua Caetano Pinto nº 575 CEP 03041-000 Brás, São Paulo/SP | Telefone (0xx11) 2108 9200 - Fax (0xx11) 2108 9310
CNTSS – Brasília - SCS - QD.01 Bloco "I"- Ed. Central - 12º andar - Salas 1.201 e 1.208 - CEP: 70.304-900 – Brasília/DF | Telefone: (0xx61) 3322 5062 e (0xx61) 3322-5060