Twitter Facebook

CNTSS > LISTAR NOTÍCIAS > DESTAQUE CENTRAL > PREFEITO DE SENADOR CANEDO SE COMPROMETE EM NEGOCIAR IMPLANTAÇÃO DO PLANO DE CARREIRAS

Prefeito de Senador Canedo se compromete em negociar implantação do plano de carreiras

01/02/2018

Prefeito disse que vai estudar todo o Plano de Carreiras da Saúde e o impacto financeiro que a implantação dele causará na folha de pagamento

Escrito por: Sindsaúde GO

 

 

Há vários anos trabalhando desmotivados, sem ter seus direitos respeitados e nenhum plano de gestão que preze pela valorização, os servidor@s da Saúde de Senador Canedo tiveram a esperança renovada na reunião – realizada na terça-feira (16/01) - com o prefeito Divino Lemes. O motivo de a expectativa ter aumentado é que o prefeito se comprometeu em estudar o Plano de Carreiras apresentado pelo sindicato e a criação de uma comissão para iniciar as discussões da sua implantação.

 

Com a sala lotada de trabalhador@s, o prefeito disse que vai estudar todo o Plano de Carreiras da Saúde e o impacto financeiro que a implantação dele causará na folha de pagamento, e que no prazo de 10 dias voltaria a ter uma reunião com o sindicato para avançar nas negociações.

 

Além de apresentar o Plano de Carreiras e o impacto financeiro, o Sindsaúde propôs ainda a criação de uma comissão, que envolva as secretárias de Finanças, Administração, Saúde e a Procuradoria, para negociar a tabela de progressão dos servidor@s dentro do plano. Sem resistência, o prefeito disse que vai consultar sua equipe para, posteriormente, criar uma portaria estabelecendo a equipe responsável pelo o estudo do plano.

 

Durante a reunião, Divino disse que já realizou uma auditoria na folha de pagamento do funcionalismo público e encontrou diversas irregularidades, como vários direitos assegurados em lei que não estão sendo cumprindo. “Já seria um imenso avanço se conseguíssemos normalizar e legalizar essa folha de pagamento, garantindo todos os direitos dos trabalhador@s”, completou o prefeito.

 

Agentes - Ao ser indagado sobre o atraso do pagamento do vale-transporte e sobre o modelo do atual vale-alimentação dos agentes e de outras categorias, o prefeito disse que pretende inserir o pagamento do vale-alimentação no contracheque do servidor. Quanto ao vale-transporte, Divino garantiu que vai verificar o porquê do atraso e que irá regularizar a situação.

 

Gratificação - Seguindo a lista de reinvindicação, a presidenta do Sindsaúde, Flaviana Alves, pediu explicações ao prefeito sobre a ausência do pagamento da gratificação dos técnicos de enfermagem, radiologia e saúde bucal que tinha sido acordado com o secretário de Saúde, Júlio Pina.

 

Com o objetivo de corrigir a defasagem salarial desses profissionais, ficou definido que a prefeitura iria pagar uma gratificação de 10% no mês de outubro, 20% em novembro e 30% em dezembro, e que esse último percentual seria mantido até a aprovação do plano de carreiras. No entanto, a prefeitura só pagou o percentual de 10% e mesmo assim, não são todos os técnicos que recebem essa gratificação.

 

Sobre o exposto, o prefeito disse que não tem conhecimento dessa situação, mas garantiu que irá conversar com o secretário de Saúde para cumprir o acordo e manter a correção salarial desses profissionais.

 

 

  • Imprimir
  • w"E-mail"
  • Compartilhe esta noticia
  • FaceBook
  • Twitter

Conteúdo Relacionado

Nome:
E-mail:
Título:

Copyright @ CUT Central Única dos Trabalhadores | 3.820 - Entidades Filiadas | 7.890.353 - Sócio | 24.062.754 - Representados
CNTSS – São Paulo - Rua Caetano Pinto nº 575 CEP 03041-000 Brás, São Paulo/SP | Telefone (0xx11) 2108 9200 - Fax (0xx11) 2108 9310
CNTSS – Brasília - SCS - QD.01 Bloco "I"- Ed. Central - 12º andar - Salas 1.201 e 1.208 - CEP: 70.304-900 – Brasília/DF | Telefone: (0xx61) 3322 5062 e (0xx61) 3322-5060