Twitter Facebook

CNTSS > LISTAR NOTÍCIAS > DESTAQUES > CUT APOIA REPÚDIO DA CNTSS/CUT A MEDIDA DO GOVERNO QUE RETIRA RECURSOS DO SEGURO-DESEMPREGO

CUT apoia repúdio da CNTSS/CUT a medida do governo que retira recursos do seguro-desemprego

18/12/2021

Bolsonaro aprova, via Congresso Nacional, que R$ 288 milhões sejam retirados do FAT e R$ 60 milhões do FNAS, dos trabalhadores, para uso político espúrio

Escrito por: Assessoria de Imprensa da CNTSS/CUT

 

Na calada da noite da sexta-feira, 17 de dezembro, o governo Bolsonaro, em conluio com os partidos do Centrão, conseguiu aprovar no Congresso Nacional projetos que liberam recursos adicionais para manter sua política fisiologista em relação aos militares, aos ministérios comandados por sua base aliada e aos seus respectivos redutos eleitorais. Medida que por si só representa um descalabro com referência ao uso político de verbas públicas para favorecimento de seus apoiadores, mas que desta vez é agravada pelo fato de que parte destes recursos foi extraída das verbas destinadas ao Seguro–Desemprego e para a área da Assistência Social.

 

A CNTSS/CUT – Confederação Nacional dos Trabalhadores em Seguridade Social repudia e vem a público denunciar esta postura política deste governo e a retirada de recursos das áreas sociais para servir de moeda de troca para defesa dos interesses espúrios deste governo. Apenas com a medida tomada na sexta-feira, 17/12, foram extraídos, segundo divulgado na imprensa, cerca de R$ 228 milhões do Fundo de Ampara ao Trabalhador, neste caso leia-se recursos do seguro-desemprego, e R$ 60 milhões do Fundo Nacional de Assistência Social, vinculado ao Ministério da Cidadania. Com as bênçãos de Paulo Guedes e Bolsonaro, o total de recursos que poderá ser realocado chegou a estratosférica marca de R$ 1,2 bilhão, ainda parar este ano de 2021.

 

 A Confederação reitera seu posicionamento contrário a mais esta medida do governo federal de retirada de recursos das áreas sociais e, assim como a CUT – Central Única dos Trabalhadores, também assinou o documento que foi apresentado pelas várias entidades que participam no sábado, 18/12, do encerramento da 12º Conferência Nacional de Assistência Social, promovida pelo CNAS – Conselho Nacional de Assistência Social. É consenso entre todos os participantes o repúdio a este novo ataque contra os trabalhadores e à população economicamente mais vulnerável

 

Enquanto a sociedade organizada se reúne numa importante Conferência Nacional para discutir o tema “Assistência Social: Direito do povo e Dever do Estado, com financiamento público, para enfrentar as desigualdades e garantir proteção social", cujo processo vem se dando desde maio deste ano, o governo demonstra total descompromisso com a população brasileira ao subtrair cada vez mais recursos das áreas sociais. A classe trabalhadora não vai se calar frente a esta política nefasta e continuará denunciando e tomando todas as medidas possíveis para dar um basta a esta polícia excludente e genocida deste governo. Venceremos.

 

 

CNTSS/CUT – Confederação Nacional dos Trabalhadores em Seguridade Social

 

 

 

  • Imprimir
  • w"E-mail"
  • Compartilhe esta noticia
  • FaceBook
  • Twitter

Conteúdo Relacionado

Nome:
E-mail:
Título:


CNTSS – São Paulo - Rua Caetano Pinto nº 575 CEP 03041-000 Brás, São Paulo/SP
Telefones: (0xx11) 2108-9156 - (0xx11) 2108-9301 - (0xx11) 2108-9195 - (0xx11) 2108-9253 - FAX (0xx11) 2108-9300
E-mails: direcao@cntsscut.org.br – tesouraria@cntsscut.org.br – imprensa@cntsscut.org.br

CNTSS – Brasília - SCS - QD.01 Bloco "I"- Ed. Central - 12º andar - Salas 1.201 e 1.208 - CEP: 70.304-900 – Brasília/DF
Telefone: (0xx61) 3224-0818 | E-mail: df@cntsscut.org.br