Twitter Facebook

CNTSS > LISTAR NOTÍCIAS > DESTAQUES > DIRIGENTES DA CNTSS/CUT PARTICIPAM COMO DELEGADOS DO CONGRESSO EXTRAORDINÁRIO DA CUT NACIONAL

Dirigentes da CNTSS/CUT participam como delegados do Congresso Extraordinário da CUT Nacional

25/08/2017

Congresso reunirá cerca de 720 delegados que deliberarão sobre estratégias de luta em defesa da classe trabalhadora e da democracia no país

Escrito por: Assessoria de Imprensa da CNTSS/CUT

 

“100 anos depois... A luta continua! Nenhum Direito a Menos".É com esta chamada que a CUT – Central Única dos Trabalhadores realiza, de 28 a 31 de agosto, em São Paulo, a sua 15ª Plenária/Congresso Extraordinário e Exclusivo. Na ocasião, estarão reunidos cerca de 720 delegadas e delegados vindos de todo o país para discutir sobre a realidade econômica e política e definir estratégias de lutas para a classe trabalhadora visando barrar as medidas restritivas propostas pelo governo ilegítimo de Michel Temer que eliminam direitos trabalhistas e sociais, políticas emancipatórias e colocam em risco a soberania e o futuro do Brasil.  

 

O Congresso Extraordinária terá a participação e a contribuição de delegações internacionais, cerca de 100 lideranças sindicais vindas de vários países e regiões do planeta, representantes dos movimentos sociais do campo e da cidade e também das Frentes “Brasil Popular” e “Povo Sem Medo”. A abertura oficial do evento, que acontece às 20 horas de 28 de agosto, também será um momento em que os participantes poderão comemorar os 34 anos da Central. O Congresso será, sem dúvida alguma, um momento ímpar para discutir os novos caminhos a serem trilhados por esta que é a maior Central Sindical da América Latina. Três temas nortearão os debates no Congresso para subsidiar o atual plano de lutas: “A captura das democracias pelo capital”, “Conjuntura nacional” e “Financeirização, Automoção e o Futuro do Trabalho”.

 

A CNTSS/CUT – Confederação Nacional dos Trabalhadores em Seguridade Social será representada por seu presidente, Sandro Alex de Oliveira Cezar; vice-presidenta, Isabel Cristina Gonçalves; secretária-geral, Sandra de Oliveira da Silva; tesoureira, Célia Regina Costa; secretário de Organização, Raimundo Rodrigues Cintra; secretária de Mulheres, Maria de Fátima Veloso Cunha e secretária adjunta Nacional de Saúde do Trabalhador da CUT; secretário de Combate ao Racismo, Robson Teixeira Góes; secretária de Saúde do Trabalhador, Maria Aparecida Faria e secretária-geral adjunta Nacional da CUT; e dirigentes nacionais: Cleidinir Francisca do Socorro, Sindsaúde AM; Maria Julia Reis Nogueira, Sintsprev MA e secretária Nacional de Combate ao Racismo da CUT; Adão Pereira Alvez, Sindprev DF; Margareth Alves Dallaruvera, FENAS; Milton Francisco Kempfer, FESSERS; Leide Cassia Fernandes Medeiros, Sindsaúde MG; Leocides José de Souza, Sindsaúde GO. Várias lideranças da Confederação estarão representando os trabalhadores da Seguridade Social como delegados eleitos por seus Estados.

 

A forte crise política e econômica que afeta o país de forma contundente depois que foi alçado ao poder o projeto conservador e ultraliberal do golpista Michel Temer fez com que a Plenária Estatutária prevista para acontecer agora se transformasse em um Congresso Extraordinário. Toda esta situação afeta drasticamente a classe trabalhadora e os segmentos sociais mais vulneráveis. Esta etapa nacional encerrará o trabalho que já vinha sendo realizado nos Estados e regiões do país. Nestes espaços foram levantadas propostas que agora serão discutidas para que sejam aprovadas as resoluções que nortearão as lutas dos próximos períodos.

 

Em entrevista concedida ao site da CUT Nacional, a secretária geral Adjunta da CUT, Maria Aparecida Faria, apontou que a decisão tomada levou em conta as mudanças drástica que aconteceram desde o Congresso da CUT de 2015. “Agora temos um presidente não foi eleito para executar um projeto derrotado nas últimas três eleições e que tira direito do povo todos os dias. Precisamos atualizar coletivamente a nossa análise de conjuntura, as estratégias e o plano de lutas construindo a unidade com os movimentos sociais para enfrentarmos e lutarmos contra os retrocessos para a classe trabalhadora, em defesa da democracia e por um país mais justo”, conclui a dirigente.

 

“Este Congresso tem como um de seus principais objetivos trazer para o centro dos debates, com os delegados e as delegadas, a verdadeira face da luta de classes que estamos vivendo, no qual a financeirização do capital faz o papel de "governar" o país. Também teremos um grande desafio para 2018. Temos que debater qual será o projeto que vai defender ou não a classe trabalhadora e a democracia no país. Nós como atores sociais, que somos, temos que discutir, sim, que país é este e que Estado é esse que nós defendemos”, destacou Maria Faria.

 

 

PROGRAMAÇÃO:

 

28/08 – Segunda Feira

 

08h00 às 19h00 – Credenciamento Delegados 

Conjuntura Internacional

 

09h00 -“A captura das democracias pelo capital.”

Palestrantes: Embaixador Samuel Pinheiro, João Felício (Pres. CSI), Jornalista Luiz Nassif

Coordenação: Jandyra e Lisboa

 

11h00 - Experiências de resistências sindicais e lançamento Jornada Continental 

Palestrantes: Fausto Durante (CGIL/Itália), Hugo Yaske (CTA/Argentina) e Victor Baez (CSA)

Coordenação:  Juneia e Ari   

 

13h00 – ALMOÇO

 

14h30 – Lançamento Livro: “A Constituição como Simulacro”, do Jurista Luiz Moreira

 

15h30 – Conjuntura Nacional

Palestrantes:  João Pedro Stedille (MST), Guilherme Boulos (MTST), Gleisi Hoffmann (PT) e Vagner Freitas (CUT)

Coordenação:  Janesley e Carmen

 

18h30 – JANTAR

 

20h00 - Abertura Oficial/Aniversário da CUT Nacional

 

 

29/08 – Terça Feira

 

09h00 as 14h00 – Credenciamento Delegados

 

14h00 as 18h00 – Credenciamento Suplentes

 

09h00 - Leitura do Regimento Interno

Coordenação: Milton e Graça

 

10h00 – Mesa: Financeirização, Automação e o Futuro do Trabalho

Palestrantes: Professor Ladislau Dawbor, Professor Lucas Tasquetto, Embaixador Celso Amorim

Coordenação: Maria e Sergio

 

13h00 - ALMOÇO

 

14h30 - Mesa: Apresentação do Texto Conjuntura

Sergio e Correntes

Coordenação: Rosana e Quintino

 

19h00 – JANTAR

 

Livre

 

 

30/08 – Quarta Feira

 

09h00 – Mesa: Estratégia

Texto e Votação

Coordenação: Bertotti e Ari Aloraldo 

 

13h00 – ALMOÇO

 

14h30 – Mesa: Plano de Lutas

Texto e Votação

Coordenação:  Fátima e Júlio

 

17h30 – Relançamento da campanha “Basta de Racismo na Vida e no Trabalho”

Coordenação: Julia e Rosana

 

20h00 - Confraternização

 

 

31/08 – Quinta Feira

 

09h00 – Reunião Ramos

 

11h00 – Moções

Coordenação:  Edjane e Valeir

 

12h00 – Encerramento

           Maria e Sergio

 

13h00 – ALMOÇO

 

Retorno para os Estados

 

 

 

 

José Carlos Araújo

Assessoria de Imprensa da CNTSS/CUT

* com informações da CUT Nacional

 

 

 

  • Imprimir
  • w"E-mail"
  • Compartilhe esta noticia
  • FaceBook
  • Twitter

Conteúdo Relacionado

Nome:
E-mail:
Título:

Copyright @ CUT Central Única dos Trabalhadores | 3.820 - Entidades Filiadas | 7.890.353 - Sócio | 24.062.754 - Representados
CNTSS – São Paulo - Rua Caetano Pinto nº 575 CEP 03041-000 Brás, São Paulo/SP | Telefone (0xx11) 2108 9200 - Fax (0xx11) 2108 9310
CNTSS – Brasília - SCS - QD.01 Bloco "I"- Ed. Central - 12º andar - Salas 1.201 e 1.208 - CEP: 70.304-900 – Brasília/DF | Telefone: (0xx61) 3322 5062 e (0xx61) 3322-5060