Twitter Facebook

CNTSS > LISTAR NOTÍCIAS > DESTAQUES > CNTSS/CUT DEFENDE GREVE UNIFICADA DO SETOR FEDERAL PROPOSTA PELO FONASEFE E MOBILIZA SEUS SINDICATOS ESTADUAIS

CNTSS/CUT defende greve unificada do setor federal proposta pelo FONASEFE e mobiliza seus sindicatos estaduais

21/03/2022

FONASEFE aponta greve por tempo indeterminado a partir de 23/03 se governo não aceitar pauta dos servidores; CNTSS/CUT participa de reunião do Fórum na terça-feira, 22, para atualizar agenda de luta

Escrito por: Assessoria de Imprensa da CNTSS/CUT

 

A Confederação Nacional dos Trabalhadores em Seguridade Social (CNTSS/CUT) orienta e conclama seus sindicatos filiados à adesão ao indicativo de greve unificada dos servidores públicos federais estabelecido pelo Fórum das Entidades Nacionais dos Servidores Públicos Federais (FONASEFE). Prevista para ter início nesta quarta-feira, 23/03, a greve envolverá as diversas categorias por todo o país. A pauta central dos trabalhadores é a defesa do reajuste emergencial de 19,99% para o funcionalismo público (ativos, aposentados e pensionaistas) e o fim dos ataques que Bolsonaro vem promovendo contra os servidores e ao Estado, com destaque a revogação da EC nº 95, do Teto de Gastos, e pela não aprovação da PEC 32, da Reforma Administrativa.

 

Todo o processo de organização da greve estabelecida pelo Fórum vem sendo acompanhado pela Confederação e amplamente debatido entre suas entidades filiadas e com o conjunto dos trabalhadores de suas bases. Em reunião realizada nesta segunda-feira, 21/03, dirigentes da CNTSS/CUT atualizaram a análise sobre a organização de suas entidades e estabeleceram a criação de um Comando de Greve formado por seu presidente, Benedito Augusto de Oliveira; a vice-presidente, Maria Júlia Reis Nogueira o secretário de Finanças, Sandro Alex de Oliveira Cezar; o secretário de Saúde do Trabalhador, Raimundo Rodrigues Cintra; e a dirigente nacional, Alzira de Souza Soares.

 

A data de 23/03 consiste no prazo final dado pelos servidores públicos federais para que o governo Bolsonaro atenda as reivindicações dos trabalhadores. No calendário de Lutas definido inicialmente pelo Fórum, caso haja a negativa do governo à pauta dos servidores, este será o dia de deflagração da greve geral por tempo indeterminado. Os servidores federais estão há mais de dois meses buscando o diálogo para que a defasagem salarial seja corrigida, porém o governo ainda não se manifestou. São cinco anos de congelamento, sem nenhum reajuste inflacionário. Nesta terça-feira, 22/03, há o indicativo de reunião do FONASEFE com os representantes das entidades filiadas para atualizar a luta. A CNTSS/CUT confirmou a participação de suas lideranças nesta agenda.

 

A Confederação consolidou neste período recente um calendário de reuniões permanente com os representantes de suas entidades para um acompanhamento efetivo do processo de mobilização contínuo da categoria pelos estados. O diálogo com os trabalhadores tem sido intenso nos locais de trabalho e por meio de Assembleias. A Confederação incentiva este processo e reitera seu apoio a todas as formas de mobilização estabelecidas pelos sindicatos como forma de agregar a adesão dos trabalhadores no processo da greve unificada dos servidores públicos federais.

 

Os servidores públicos federais não concordam com a proposta de Bolsonaro em conceder reajuste somente para a Polícia Federal, Polícia Rodoviária Federal e Departamento Penitenciário Nacional. A luta das entidades é para que ocorra a reposição salarial para todos os servidores públicos federais. Recentemente a Frente Parlamentar Mista em Defesa dos Serviços Públicos ingressou com um requerimento para debater a reposição salarial dos servidores na Comissão de Trabalho, de Administração e Serviço Público da Câmara Federal. A pressão tem sido grande junto ao presidente da Câmara, deputado Arthur Lira, para que os trabalhos dessa Comissão avance.

 

 

José Carlos Araújo

Assessoria de Imprensa da CNTSS/CUT

  • Imprimir
  • w"E-mail"
  • Compartilhe esta noticia
  • FaceBook
  • Twitter

Conteúdo Relacionado

Nome:
E-mail:
Título:


CNTSS – São Paulo - Rua Caetano Pinto nº 575 CEP 03041-000 Brás, São Paulo/SP
Telefones: (0xx11) 2108-9156 - (0xx11) 2108-9301 - (0xx11) 2108-9195 - (0xx11) 2108-9253 - FAX (0xx11) 2108-9300
E-mails: direcao@cntsscut.org.br – tesouraria@cntsscut.org.br – imprensa@cntsscut.org.br

CNTSS – Brasília - SCS - QD.01 Bloco "I"- Ed. Central - 12º andar - Salas 1.201 e 1.208 - CEP: 70.304-900 – Brasília/DF
Telefone: (0xx61) 3224-0818 | E-mail: df@cntsscut.org.br